Diretor: Paulo Menano

PENA DE PRISÃO E MULTA POR UTILIZAÇÃO INDEVIDA DE DENOMINAÇÃO, SIGLA OU SIMBOLO

Em comunicado enviado ao Noticias de Fornos, o CDS de Fornos de Algodres, manifesta profunda indignação por mais uma atitude Anti-Democrática tomada pelo PSD, consumada na publicação do seu Jornal de Campanha, aonde na representação do “Boletim de Voto” coloca o Símbolo do CDS associado á Sigla do PCP/PEV.

“O CDS – Partido Popular, reserva-se o direito de julgar que a intenção do PSD, é confundir parte do Eleitorado afeto ao Centro-Direita, fazendo querer que o 4º lugar do “Boletim de Voto” é do PCP/PEV, desviando assim o Voto no CDS.

Consideramos esta arrogância do “vale tudo”, esta afronta á Lei Eleitoral, ao ponto de vilipendiar o Símbolo maior da Democracia que é o “Boletim de Voto”, uma atitude que está em consonância com o useiro e vezeiro “modus faciendi e operandi”, que é traço saliente da notoriedade de boa parte dos principais Responsáveis e Candidatos do PSD, Partido que consideramos respeitável e com pergaminhos no Sistema Democrático Português.
Enfim… A fama dos ditos, precede-os!

No entanto…
O CDS, em razão do Papel de Intervenção que assume, aceita de bom grado ser considerado próximo e sensível ás preocupações de boa parte do “eleitorado flutante” seja ele de inspiração Social-Democrata, Socialista ou da Esquerda Tradicional.

O PSD provavelmente gostaria de chegar a estes Eleitores, mas não consegue.
É a Candidatura do CDS, que com orgulho “faz intervenção” e assume o papel de “conquistar” o Eleitorado, que não se revê nos outros Partidos, nem no “sistema instalado”.

A “Boa Gestão” e os “Valores” não são de Esquerda nem de Direita, são de todos e para todos.

E já agora…
“A talho de foice” (mas desta feita sem o martelo), para aqueles que dizem que Votar no CDS, é o mesmo que Votar no PS, nada de mais errado e falacioso, visto que perante o atual cenário não é o PSD que vai conquistar o 3º  Vereador ao PS, para tal era preciso ficar á frente dos Socialistas, só que a dinâmica (ou falta dela) indica o contrário.

É a Candidatura do CDS liderada pela Dr.ª Cristina Guerra, que vai resgatar um Vereador ao PS, o “voto útil” para mudar a Gestão Camarária, em razão do “método de hondt” é o Voto no CDS-PP, isto no que confere ao 1º Vereador do CDS, mas… Nós já passámos essa fase, agora estamos a lutar pelo 2º Vereador, um objetivo ambicioso em que acreditamos, e esse sim… Será conquistado ao PSD.

Por último…
E já que se “puseram a jeito”, agradecemos a alguns Responsáveis e Candidatos do PSD, o fato de lembrarem (sem a autorização que a elevação impunha) que à Dr.ª Cristina Guerra foi proposto/oferecido o 3º lugar numa eventual Coligação Eleitoral, o que implicaria um lugar de Vereação para o CDS.

O CDS confirma que tais “negociações” e proposta aconteceram, para lá da arrogância, a solução foi recusada pela Líder do CDS, por duas razões simples e fundamentais… Não só não havia Projeto (ainda hoje não se conhece) como e não menos importante, não estavam reunidas as condições de Confiança e Cumplicidade.

Para lá de uma Ideia e Projeto comuns para o Concelho de Fornos, para uma Coligação ter sucesso, não basta a soma aritmética dos Partidos, é necessário respeito, identificação com as metodologias e, o mais importante… Ser Fiável.”

Fonte: CDS- Fornos de Algodres

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao continuar a usar o site, você está a concordar com a utilização de cookies. mais informação

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com isso.

Close