Mais Beiras Informação

Informação regional

Francisco Carvalho recandidata-se pelo PS à Câmara de Penalva do Castelo

“A minha grande prioridade é dar uma roupagem diferente às estruturas da vila. Como é a obra de remodelação da praça do antigo município e a praça Magalhães Coutinho que também vai entrar em obras”, sustenta.

Em declarações ao Jornal do Centro, o candidato socialista explica que a pandemia veio “desviar-lhe algumas atenções” e que “há uma série de projetos que gostava de ver concluídos”.

“Sinto o apoio e os apelos da população para que volte a ser candidato. Além do mais, ainda há muitos projetos que estão por concluir. Aliado a estes fatores, continuo a ter a minha equipa comigo. Os meus vereadores, presidentes de junta, da assembleia municipal e da assembleia de freguesias. Por estas razões, entendi que seria de bom tom fazer mais um mandato”, acrescenta.

Caso seja reeleito, Francisco Carvalho pretende ainda requalificar a Rua 1º de Dezembro, “que vai dar um aspeto completamente diferente à vila de Penalva do Castelo”. “Essa será a obra do meu mandato”.

“O projeto está feito e a cumprir os trâmites naturais. É uma obra que foi candidatada ao programa Portugal 2020 e será comparticipada em 85 por cento por fundos comunitários. Se não a concluir, pelo menos inicio-a”, revela o autarca, lembrando, também, a restauração do Mosteiro do Santo Sepulcro, que “será uma realidade a curto prazo”.

Em 2013, Francisco Carvalho foi eleito com 50,71 por cento dos votos. Em 2017, com 67,87 por cento, mas o objetivo “não é trabalhar para obter mais votos, mas para satisfazer as necessidades dos penalvenses”. “Obviamente, se obtivermos uma vitória folgada, revela que estão satisfeitos com este executivo”, diz.

“Vou candidatar-me de uma forma muito tranquila. Tenho noção do trabalho e do esforço executado em prol dos penalvenses e é isso que nos motiva. Respeitaremos a vontade popular. Não estou agarrado ao lugar. Estou a servir a população com dedicação e o máximo de carinho. É com esse espírito que me recandidato”, conclui.

Também para a distrital do Partido Socialista as autárquicas em Penalva do Castelo não parecem ser uma preocupação para o partido.

“É um dos concelhos em que o PSD tem dificuldades, tal como nós temos noutros, mas estamos completamente à vontade. Francisco Carvalho é o recandidato natural. Toda a gente o sabe. Não há nenhum sobressalto. É um dos concelhos onde está tudo pacífico”, revela fonte da estrutura.

Sobre a confiança na vitória de Francisco Carvalho, “é uma daquelas que não temos dúvida alguma”, revela a mesma fonte.

“O Francisco tem feito um trabalho muito consistente, muito discreto. O próprio é uma pessoa muito discreta e muito afável. Não causa conflitos com os adversários, nem com o próprio partido. É uma daquelas pessoas que, facilmente, consegue vencer as eleições e com uma margem grande, sem problema”, conclui.

Do lado do PSD, que há quatro anos elegeu Gabriel Costa como cabeça-de-lista da coligação PSD-CDS/PP-PPM, o presidente da distrital, Pedro Alves, não quis avançar qualquer comentário sobre o processo autárquico “em virtude das festividades”.

“O anúncio só será feito depois da Páscoa”, revela.

 

Fonte: Jornal do Centro

Ao continuar a usar o site, você está a concordar com a utilização de cookies. mais informação

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com isso.

Close