Diretor: Paulo Menano

Pólenes muito elevados em todas as regiões do continente nos próximos dias

Segundo o Boletim Polínico da Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica (SPAIC), as concentrações de pólenes no ar vão estar muito elevadas em todas as regiões de Portugal continental nos próximos sete dias.

De acordo com o boletim, que está em vigor até dia 28 de março, em Lisboa e em Setúbal, os pólenes encontram-se em níveis muito elevados, com predomínio para os das árvores plátano, azinheira e outros carvalhos e ciprestes, e das ervas urtiga e parietária.
Na região da Beira Interior, os pólenes encontram-se em níveis muito elevados, na atmosfera predominam os pólenes das árvores plátano, cipreste, pinheiro, azinheira e outros carvalhos, da erva azeda e urtiga.
Em Vila Real (região de Trás-os-Montes e Alto Douro), os pólenes encontram-se em níveis muito elevados, predominando os das árvores plátano, cipreste, pinheiro e carvalhos, a mesma situação para o Porto (região de Entre Douro e Minho), ainda com níveis muito elevados provenientes da erva urtiga.
Em Coimbra (região da Beira Litoral), encontram-se igualmente em níveis muito elevados, com predomínio dos pólenes das árvores plátano, cipreste, pinheiro, azinheira e outros carvalhos e das ervas urtiga e parietária.
O Boletim Polínico efetua a divulgação semanal dos níveis de pólenes existentes no ar atmosférico recolhidos através da leitura de postos em várias regiões do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao continuar a usar o site, você está a concordar com a utilização de cookies. mais informação

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com isso.

Close