Diretor: Paulo Menano

PJ deteve suspeito de atear fogo em Castelo Branco

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou este domingo a detenção de um homem, de 55 anos, suspeito de atear, no sábado, um fogo nas imediações da cidade de Castelo Branco.

Em comunicado, a PJ explica que, com a colaboração da Guarda Nacional República (GNR) de Castelo Branco, deteve o “incendiário pela presumível prática de um crime de incêndio florestal” ocorrido no sábado “nas imediações da cidade” de Castelo Branco.
“Por volta da 01:00 da madrugada, o suspeito, usando chama direta, colocou um foco de incêndio em zona florestal povoada com pinheiros e mato, dentro de uma vasta mancha florestal, que teria proporções mais gravosas caso não tivesse havido uma rápida intervenção dos bombeiros de Castelo Branco”, acrescenta a nota.
A atuação do suspeito, que “colocou em perigo a integridade física e a vida de pessoas, bem como habitações e a grande mancha florestal”, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao continuar a usar o site, você está a concordar com a utilização de cookies. mais informação

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com isso.

Close