Diretor: Paulo Menano

Número de vítimas mortais aumentou nas estradas no distrito

O relatório anual da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, que reúne dados da PSP e da GNR, dá conta de um aumento do número de acidentes nos primeiros dez meses de 2018. Esse aumento reflete-se a nível nacional, mas também no distrito da Guarda.

Entre janeiro e outubro deste ano, o número de vítimas mortais no distrito da Guarda aumentou de 11 para 14, mais três do que no mesmo período do ano passado, de acordo com os dados da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR).
No que se refere a feridos com gravidade, registou-se uma descida quando comparado com o período homólogo de 2017. O número baixou de 53 para 39.
Nestes dez meses do ano de 2018, a nível distrital registaram-se 1.198 acidentes.

O documento, que abrange o período entre Janeiro e 31 de Outubro, regista 109.030 acidentes, mais do que em período homólogo do ano passado (106.986), 422 vítimas mortais (mais duas), 1739 feridos graves (menos 95) e 33.742 feridos leves (menos 746).
O distrito com mais acidentes foi o de Lisboa (21.744), seguido do Porto (19.603), Braga (9255), Faro (9150), Aveiro (8903) e Setúbal (8849).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao continuar a usar o site, você está a concordar com a utilização de cookies. mais informação

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com isso.

Close