Mais Beiras Informação

Informação regional

Hostel Criativo pretende reforçar turismo na aldeia de Sabugueiro em Seia

O antigo edifício do Centro de Dia de Sabugueiro, em Seia, na Serra da Estrela, reabriu as portas como hostel com o objetivo de “reforçar o turismo cultural e promover a economia social”. O novo hostel dispõe de camas em quartos com beliches e de camas individuais que acomodam quatro a sete pessoas, e de dois quartos duplos, com uma capacidade total para 33 pessoas.

Hostel Criativo “é o mais recente projeto da Associação de Beneficência do Sabugueiro, que resultou do aproveitamento do antigo edifício de Centro de Dia, localizado num lugar privilegiado da aldeia, designada a ‘mais alta de Portugal'”, anunciou o  presidente da direção, Mário Jorge Branquinho.
Segundo o responsável, o Hostel Criativo do Sabugueiro, que foi criado com o apoio do Turismo de Portugal, assume-se como “uma unidade diferenciadora em plena Serra da Estrela”. Aquele responsável adianta tratar-se de “um espaço acolhedor, de conforto e de forte inspiração para ações criativas e de Residências Artísticas, o ano todo, em plena Serra da Estrela”.
O novo hostel dispõe de camas em quartos com beliches e de camas individuais que acomodam quatro a sete pessoas, e de dois quartos duplos, com uma capacidade total para 33 pessoas. Também possui uma sala de convívio, “onde se realizam exposições, tertúlias, exibição de filmes e outras atividades criativas, e uma marquise para descanso ou atividades criativas, como sejam pintura, escrita criativa, composição musical ou outras”, acrescenta a fonte. O equipamento está ainda dotado com cozinha, ‘wi-fi’ gratuito e aquecimento geral, entre outros suportes de conforto.
“Com este novo projeto, que é diferente de todos os que existem na região, a Associação de Beneficência do Sabugueiro tem como objetivos promover as artes e a cultura, inspiradas nos recursos do território regional, fomentando o intercâmbio entre comunidades de artistas, pensadores e criativos e a comunidade local/regional”, segundo o seu presidente.
A unidade hoteleira é também um projeto que surgiu enquadrado “numa estratégia de economia social” daquela instituição de solidariedade social do concelho de Seia “de apoio a camadas mais desfavorecidas da região”, disse.
O projeto visa também “fomentar o conhecimento das potencialidades naturais do território, através da oferta de experiências baseadas no turismo cultural e de natureza”.
Fomentar a participação da comunidade local e o intercâmbio com os turistas, combater a sazonalidade do turismo na região de intervenção e contribuir para o aumento da estada média dos turistas, são outros dos propósitos que estiveram na origem da criação do novo equipamento hoteleiro. Com a obra, a Associação de Beneficência do Sabugueiro “prossegue a sua missão social”, uma vez que o hostel “pretende ser uma nova fonte de rendimento para a instituição, enquadrada na chamada ‘economia social'”, refere a direção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao continuar a usar o site, você está a concordar com a utilização de cookies. mais informação

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com isso.

Close