Diretor: Paulo Menano

GNR da Guarda já registou 75 crimes de violência doméstica este ano

Em menos de três meses, a GNR da Guarda já registou 75 crimes de violência doméstica no distrito e efetuou duas dezenas de detenções.

Desde o início do ano, foram registados 75 crimes de violência doméstica quando, “no mesmo período do ano transato, foram registados 70 crimes”. Ainda de acordo com a GNR, durante o ano de 2018 “foram registados um total de 306 crimes de violência doméstica” nos 14 concelhos do distrito da Guarda.
“Da atividade do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) e dos Postos Territoriais deste Comando, resultou, até à presente data, 20 detenções (18 homens e duas mulheres)”, adiantou fonte do comando, indicando que foram efetuadas quatro detenções em flagrante delito e 16 por mandado de detenção.
Segundo a GNR, “aos detidos foram aplicadas diversas medidas de coação, que vão desde o termo de identidade e residência até à medida mais restritiva de prisão preventiva”.
Ainda de acordo com a fonte policial, no decurso das diligências efetuadas em vários concelhos do distrito da Guarda, “foram apreendidos diversos materiais, usados na prática dos crimes, como medida cautelar ou pela sua posse ser proibida”.
A última detenção pelo crime de violência doméstica ocorreu na sexta-feira, na vila de Manteigas, quando o Comando Territorial da GNR da Guarda, através do NIAVE, deteve um homem de 21 anos, no âmbito de um processo de investigação “que decorreu durante uma semana”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao continuar a usar o site, você está a concordar com a utilização de cookies. mais informação

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com isso.

Close