Mais Beiras Informação

Informação regional

FREGUESIA DE MACEIRA TERÁ ESPAÇO MUSEOLÓGICO DEDICADO A RAUL SOLNADO

A Junta de Freguesia de Maceira, Fornos de Algodres, pretende criar um espaço museológico dedicado ao ator Raul Solnado, falecido em agosto de 2009, que quando era criança viveu alguns anos na aldeia. Raul Solnado, nasceu em Lisboa, mas viveu até aos 7 anos em Maceira, de onde a Mãe era Natural, sendo o pai oriundo da Sertã, distrito de Castelo Branco. “A mãe morreu morreu de parto e pouco tempo depois ele veio aqui para Maceira onde foi criado pela avó e esteve até aos 7 anos, indo depois viver com uma tia para Lisboa”, contou ao Jornal A GUARDA José Carlos dos Santos, primo em segundo grau de Raul Solnado. Pela ligação que o ator tinha a Maceira, a Junta de Freguesia, presidida por Luís Reis, vai criar uma sala, no edifício da Junta, como forma de homenagem a Raul Solnado.

Raul Augusto Almeida Solnado nasceu a 19 de outubro de 1929, foi humorista, apresentador de televisão e ator. Começou a trabalhar em 1947 no teatro amador. Em 1952 estreou-se profissionalmente num show no Maxime e a partir daí não mais parou: opereta, revista, teatro clássico, cinema, televisão. O grande salto na carreira do ator deu-se na década de 1960 com o monólogo “A Guerra de 1908”, estreado em outubro de 1961. Em 1969, com Carlos Cruz e Fialho Gouveia, apresentou na RTP um programa inovador que se tornou um marco na programação televisiva: o “Zip-Zip”.

Fonte: Jornal A GUARDA

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao continuar a usar o site, você está a concordar com a utilização de cookies. mais informação

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com isso.

Close