Diretor: Paulo Menano

Assembleia da Guarda congratula-se com nomeação de Américo Rodrigues para DGArtes

A Assembleia Municipal da Guarda aprovou, por maioria, um voto de congratulação pela nomeação de Américo Rodrigues para diretor-geral das Artes.

Aquele órgão, presidido por Cidália Valbom (PSD), aprovou na última reunião do executivo, um voto de congratulação pela nomeação de Américo Rodrigues para diretor-geral das Artes, com 64 votos a favor e oito abstenções, numa proposta apresentada pelo deputado municipal do CDS-PP José Carlos Lopes.
Na moção, a Assembleia Municipal da Guarda deliberou “congratular-se com a nomeação de Américo Rodrigues para o exercício de um alto cargo da administração pública como diretor-geral das Artes”, que assumiu no dia 13 de fevereiro.
O documento refere que Américo Rodrigues é natural da Guarda e antes de assumir o cargo exercia as funções de técnico superior do setor da Educação da Câmara Municipal da Guarda.
Américo Rodrigues, que nasceu na Guarda em 1961, foi diretor do Teatro Municipal da Guarda (2005-2013) e coordenador da Biblioteca Municipal Eduardo Lourenço (2015-2018) naquele concelho. Licenciado em Língua e Cultura Portuguesas pela Universidade da Beira Interior e Mestre em Ciências da Fala pela Universidade de Aveiro, Américo Rodrigues é poeta, ator, encenador, ‘performer’ na área da poesia sonora e programador cultural. Em 2011, foi distinguido com a Medalha de Mérito Cultural, pelo contributo para o desenvolvimento cultural da região da Guarda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao continuar a usar o site, você está a concordar com a utilização de cookies. mais informação

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com isso.

Close