Diretor: Paulo Menano

APSCDFA ACREDITADA PELO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

Associação de Promoção Social, Cultural e Desportiva de Fornos de Algodres é acreditada pelo período de 4 anos enquanto CRI pelo Ministério da Educação através da Direção Geral de Educação. Assim, neste próximo quadriénio, irão dar continuidade à prestação de serviços na área das Necessidades Educativas Especiais, nos concelhos de Fornos de Algodres, Mangualde, Celorico da Beira e Penalva do Castelo.

A APSCDFA tem vindo ao longo dos últimos anos a apoiar diversos Agrupamentos de Escolas facultando o acesso a terapias específicas aos alunos com necessidades educativas especiais. Assim é de salientar, que no ano letivo de 2016/17 a Associação apoiou no total 52 crianças do 1.º ciclo ao ensino secundário, estando previsto no próximo ano o apoio a 71 crianças, dos agrupamentos de escolas de Fornos de Algodres, Celorico da Beira, Penalva do Castelo e Mangualde.

Com a acreditação a APSCDFA, passa a constar da lista nacional dos Centros de Recursos para a Inclusão (CRI) que são estruturas de apoio, assentes numa perspetiva de prestação de serviços complementares aos oferecidos pelas escolas de ensino público, atuando de forma integrada com a comunidade no âmbito da resposta educativa e social aos alunos com necessidades educativas especiais de caráter permanente, oferecendo variados serviços especializados, nomeadamente, fisioterapia, terapia da fala, terapia ocupacional, psicomotricidade, hidroterapia, além de ateliers temáticos para desenvolvimento pessoal (fotografia, culinária, mecânica/lavagem automóvel, costura).

O Centro de Recursos para Inclusão da APSCDFA rege-se pelos padrões do “SGQ EQUASS Assurance” cujo principal enfoque é o cliente, e a sistematização e evidências da intervenção. Desta forma, paralelamente aos planos individuais e objetivos estipulados para os alunos a APSCDFA compromete-se a implementar atividades que promovam a qualidade de vida, o bem-estar e a autonomia dos alunos com recurso a uma intervenção holística e multidisciplinar que vise o aluno como um todo em todas as dimensões de vida, não descurando o seu contexto sociofamiliar. De mencionar que a intervenção com estes alunos vai muito além do convencionado no CRI uma vez que possibilita aos mesmos a vivência de experiências impactantes que de outra forma não teriam oportunidade de as realizar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao continuar a usar o site, você está a concordar com a utilização de cookies. mais informação

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar suas configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, você concorda com isso.

Close